,

Ação especial marca o Dia Internacional da Mulher na programação da Globo

sábado, 8 de março de 2014 Faça um comentário!

Uma programação totalmente ocupada por mulheres. A grade inteira, da manhã ao fim da noite, em todos os programas, mulheres estarão apresentando, comentando, participando, sendo pauta e conteúdo. Essa é a ação criada pela Globo para este sábado, 8 de março, Dia Internacional da Mulher. Uma ideia inédita que materializa, através do próprio conteúdo da emissora, os espaços conquistados pelas mulheres na sociedade.

Foto: Reprodução/GloboO projeto mobilizou todas as áreas da emissora. Jornalismo, Esporte, Entretenimento e Responsabilidade Social trabalharam juntos para criar essa grade que terá, entre outros destaques, a bancada do “Jornal Nacional” ocupada por duas mulheres, Patrícia Poeta e Sandra Annenberg, pela primeira vez nos mais de 45 anos do telejornal.

Durante o dia, Monalisa Perrone assumirá a apresentação do “SPTV”; Ana Luiza Guimarães, do “RJTV”; Isabela Scalabrini, do “MGTV”; e Flavia Alvarenga, do DFTV. À frente do Jornal Hoje estará a apresentadora Renata Capucci. Todos os telejornais terão ao menos uma matéria especial com o tema “Mulher”. No “Globo Esporte”, Cris Dias assume o posto e a programação esportiva mostrará matérias que valorizam as modalidades femininas.

O entretenimentro não ficará de fora. O “Caldeirão do Huck” terá quadros temáticos e Claudia Leitte como atração musical. O X1000, quadro das moedinhas, mostrará um grupo voluntário que recebe doações de cabelo para perucas de mulheres e crianças com câncer.

Os 'Momentos em Família', que encerram os capítulos da novela “Em Família”, vão valorizar o dia a dia corrido da mulher contemporânea, que se divide entre trabalho, casa, marido e filhos. Em seguida, o “Zorra Total” trará um quadro especial, com todas as personagens femininas tomando café na casa de Mozinha (Mariana Santos) para comemorar o Dia Internacional da Mulher. Depois de muita fofoca e discussão, elas serão surpreendidas pelos homens do programa com flores. O “Altas Horas” também participará da homenagem, com Serginho Groisman levantando a discussão sobre agressão à mulher. A convidada é Maria da Penha, popular pela Lei que leva seu nome e que está em vigor desde 2006.

Com a iniciativa, a emissora pretende trazer à discussão o papel da mulher como agente de desenvolvimento, reconhecer seus direitos e abordar temas ainda críticos na sociedade, como a violência e a igualdade de oportunidades. Essas são algumas das áreas prioritárias da ONU Mulheres, agência das Nações Unidas especializada na garantia de seus direitos.

0 comentários »