Em “Fora de Controle”: Contra as ordens de Medeiros, Clarice investiga morte no trânsito

segunda-feira, 14 de maio de 2012 Faça um comentário!

Clarice se assusta com o barulho da batida de um carro. Ela se aproxima e vê que o motorista, um jovem de vinte e poucos anos, está morto. Peritos examinam o local do acidente enquanto jornalistas tentam apurar detalhes do que houve. Clarice vai até o hospital onde um tio da vítima está internado e conhece Cristiano, um amigo da família do menino que morreu.

Brandão vai até a boate onde a vítima esteve antes do acidente e interroga o barman. Cristiano joga charme para Clarice. Mesmo contra as ordens de Medeiros, Clarice insiste que o caso deve ser investigado. Dois grupos de playboys brigam. Medeiros fica irritado ao saber que Clarice foi até a boate investigar o crime.

O delegado surpreende a investigadora e se junta a ela e ao dono da boate em uma conversa. Clarice investiga a DJ, ex-namorada da vítima. Clarice e Cristiano jantam. Ele comenta com a investigadora que seguiu o dono da boate e descobriu que ele tem uma fábrica de bebida falsificada. Brandão diz à Clarice e a Medeiros que Diana apareceu morta. Medeiros e Brandão pressionam um amigo do namorado da DJ para saber onde haverá briga entre os grupos. Medeiros chega ao local da briga e atira. Ele leva os playboys para a delegacia.

Medeiros diz que os jovens têm bons álibis. Medeiros manda Brandão investigar Cristiano. O delegado pressiona o dono da boate para saber se ele tem envolvimento com a morte da DJ. Brandão fala para Medeiros que Cristiano está endividado. Medeiros desvenda o mistério e descobre o verdadeiro culpado. O delegado obriga o dono da boate a pagar multas altíssimas por envenenar as pessoas com a bebida que ele serve.

0 comentários »